Roraima campanha contra febre aftosa e recadastramento de animais seguem até final de abril

Correio Roraimense - Desde 1991

 

BOA VISTA [ ABN NEWS ] – A vacina contra a febre aftosa deve ser aplicada no rebanho de bois e búfalos de Roraima até o último dia de abril. A primeira etapa da campanha deste ano coincide com o recadastramento de animais e propriedades nos municípios de Boa Vista, Bonfim, Normandia, Uiramutã, Pacaraima e Amajari.

O chefe do Serviço de Defesa Agropecuária da Superintendência Federal de Agricultura em Roraima, Américo Castro Monteiro, destaca que a atualização dos dados sobre o rebanho está sendo feita desde janeiro de 2009 e já foi concluída nos outros 10 municípios do estado. Só entre abril e outubro do ano passado, foram somados quase 60 mil animais, totalizando 585.785. “Com a conclusão desse levantamento de campo, esperamos identificar, no máximo, mais 100 mil animais. Com esses dados poderemos mensurar com mais segurança a cobertura vacinal”, explica.

De acordo com Monteiro, o serviço de saúde animal de Roraima foi reestruturado a partir de convênio com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), em 2008, no valor de R$ 1,6 milhão. A verba foi empregada na compra de equipamentos, montagem de novas unidades de defesa agropecuária, que passaram de seis para 11, e de escritórios de atendimento à comunidade (13). Além disso, entre novembro e dezembro, o estado contratou, temporariamente, nove médicos veterinários e 25 técnicos da área, que vão atuar por um ano. “Esse investimento é essencial para que Roraima avance na prevenção da febre aftosa”, conclui Américo Monteiro.

Os municípios de Caroebe, Rorainópolis, São Luís do Amauá, São João da Baliza, Caracaraí, Mucajaí, Alto Alegre e Cantá concentram a maior parte do gado de Roraima. Ao término do prazo de vacinação, os criadores terão até 15 dias para comprovar a imunização do rebanho.

R

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*